Nutricionista:

12115612_1040457929300792_481542275569025670_nO governo federal lançou um novo Guia Alimentar para a População. A novidade da publicação é que, em vez de trabalhar com grupos alimentares e porções recomendadas, a abordagem agora é mais qualitativa. A indicação é para que a alimentação na mesa dos brasileiros tenha como base alimentos frescos, como frutas, carnes e legumes, e minimamente processados, como arroz, feijão e frutas secas. Outra orientação é evitar os alimentos ultraprocessados, como pratos prontos congelados, macarrão instantâneo, salgadinhos de pacote, refrigerantes e sopas liofilizadas (aquelas instantâneas, que vêm em pó na embalagem).
O manual ainda aconselha moderação no uso de óleos, gorduras, sal e açúcar para temperar alimentos, e o consumo limitado de alimentos processados, como embutidos e conservas, utilizando-os, preferencialmente, como ingredientes ou parte de refeições. O novo guia foi lançado em novembro pelo Ministério da Saúde (MS), sendo que o anterior foi elaborado em 2006.
Com a publicação, o governo tem como objetivo incentivar a população a adotar hábitos alimentares saudáveis e, assim, tentar evitar o avanço do sobrepeso e da obesidade no país. Vale lembrar que a mais recente pesquisa encomendada pelo MS mostra que mais da metade (50,8%) dos brasileiros estão acima do peso.
Quer conhecer um pouco mais sobre o assunto?
Confira no link: bit.ly/revista-longevidadeemfoco